A Boeing registou quase o dobro das encomendas líquidas da Airbus no período de Janeiro a Agosto. O construtor norte-americano fechou o período em análise com 426 aviões encomendados, contra 215 do consórcio europeu.

boeing-b737-max

A preços de catálogo, as encomendas líquidas de Boeing ascendem a 64, 97 mil milhões de euros e as da Airbus a 25,77 mil milhões de euros. Por modelos, o destaque nas encomendas da Boeing vai para o B737 (299 unidades) e o B787 (78 aviões) e nas da Airbus para o A320neo (92 aviões) e o A321ceo (55 aparelhos).

Também no que se refere às entregas a companhia norte-americana lidera. Até 22 de Agosto, a Boeing entregou 476 novos aviões, contra 399 da Airbus.

Também aqui o B737 (324 aviões) e o B787 (89 aparelhos) se destacaram na Boeing. No caso do construtor sediado em Toulouse, os destaques foram o A321ceo (117 unidades) e o A320ceo (115 aviões).

 

 

 

Tags:

Os comentários estão encerrados.