Mercedes eCitaro no IAA de Hannover

A Daimler Bus vai mostrar no Salão de Veículos Comerciais IAA de Hannover, que se realiza em Setembro, a sua visão sobre a electrificação do transporte público de passageiros, com destaque para o eCitaro.

 

 

 

 

 

 

 

Trata-se da versão eléctrica do autocarro urbano mais vendido da Mercedes, com mais de 50 mil unidades comercializadas. A produção em série do eCitaro arranca na fábrica de Manheim (Alemanha) e o modelo conta já com 35 unidades encomendadas para os operadores das cidades de Hamburgo e Berlim.

Baterias com até dez módulos

A energia para o eCitaro é fornecida por baterias de iões de lítio com capacidade total de até 243 kWh. Estas têm um design modular: são divididas em até dez módulos, cada um fornecendo cerca de 25 kWh.

Além de dois módulos de bateria no tejadilho, o equipamento standard inclui quatro módulos de bateria na traseira. Dependendo das necessidades dos clientes, dois ou quatro módulos de bateria adicionais podem ser montados no tejadilho do eCitaro.

A Mercedes, que não revela a autonomia esperada de cada configuração, indica que, com um mínimo de seis e até um máximo de dez módulos de bateria, os operadores de transporte podem adaptar a utilização e estratégia de carregamento às necessidades individuais.

Com dez módulos de bateria, o eCitaro pesa 13,44 toneladas. Em conjunto com uma classificação de peso bruto do veículo de 19,5 toneladas, isso corresponde a uma carga útil de mais de seis toneladas ou cerca de 88 passageiros.

A tecnologia de carregamento do eCitaro também permite que o modelo se ajuste ao pretendido pelos operadores de transporte. No início da produção em série, a única opção é o carregamento plug-in (através de uma ligação Combo 2). A Mercedes pretende, porém, numa fase posterior, adicionar a possibilidade de carregar, também, o autocarro eléctrico através de um pantógrafo.

Sem comentários ainda

Junte-se à conversa

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Translate »