Scania reforça liderança nos camiões

O mercado português de pesados de mercadorias registou uma queda de 24,6% em Julho, o que fez o acumulado dos primeiros sete meses de 2018 passar para o negativo (-3,4%). A Scania reforçou a liderança.

Scania foi a marca mais vendida em Portugal até Julho

O mercado de pesados de mercadorias ascendeu, em Julho, a 368 matrículas, contra 488 um ano antes. A Scania foi a marca mais vendida, com 62 unidades matriculadas (+40,9%), à frente da Iveco, com 61 (+5,2%). O pódio mensal foi fechado pela Renault e pela Volvo, ambas com 57 matrículas no mês passado.

No acumulado de Janeiro a Julho, a descida de 24,6% representa 2 693 matrículas no período em análise, volume que compara com as 2 789 do período homólogo de 2017.

Por marcas, a Scania comercializou 479 camiões (+36,5%), à frente da Mercedes, que foi a segunda marca mais vendida no acumulado, com 411 unidades (+13,2%). A terceira marca mais vendida até ao mês passado foi a Renault Trucks, com 369 matrículas (+8,8%).

Seguem-se no ranking nacional a Volvo (358), a Iveco (306), a DAF (283), a MAN (280), a Fuso (116), a Isuzu (81), a MAN-VW (8) e a Fiat (2).

Autocarros também caem

Em relação ao mercado nacional de pesados de passageiros, em Julho foram matriculadas 18 unidades, menos 33,3% do que as 27 do mês homólogo do ano passado. A Mercedes, com quatro unidades, liderou, seguida por Iveco e MAN, com três autocarros cada.

No acumulado de Janeiro a Julho, o mercado nacional cresceu 1,5% face ao mesmo período de 2017, com 263 vendas.

A MAN (65 matrículas, +25%) foi a marca mais vendida. Mercedes (62 unidades, -22,5%) e Iveco (36 matrículas, -5,3%) fecham o pódio.

… e os Ligeiros idem

Em Julho, foram vendidos em Portugal 2 953 comerciais ligeiros, menos 1,8% do que no mesmo mês do ano passado. Por marcas, a Renault liderou, com 625 unidades (+2,6%), seguida da Peugeot (539, +3,3%) e da Citroën (504, +11,8%).

No acumulado de Janeiro a Julho, o mercado ascendeu a 22 258 veículos, o que representou uma subida de 2,6% face ao período homólogo de 2017.

A marca mais vendida foi a Renault, com 4 882 unidades, mais 16,1% do que no mesmo período do ano passado. Seguiram-se-lhe a Peugeot e a Citroën, muito próximas entre si, respectivamente com 3 699 (+9,2%) e 3 615 (+9,4%) unidades matriculadas.

 

Sem comentários ainda

Junte-se à conversa

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com
Translate »