Archive for Setembro, 2013

Felixstowe prepara-se para receber até os “Triple-E”

3 Setembro, 2013

Comments are Disabled

O porto de Felixstowe, número um britânico na movimentação de contentores, quer entrar em 2015 capaz de movimentar os navios de 18 000 TEU. A ideia é responder à concorrência de Southampton e do novo London Gateway.

IATA mais optimista sobre o crescimento da carga

3 Setembro, 2013

Comments are Disabled

A carga aérea mundial voltou a crescer em Julho. A IATA já fala em sinais encorajadores, particularmente na Europa. O Médio Oriente continua a crescer depressa. A Ásia-Pacífico soma perdas.

DFDS investe em filtros para cumprir limites de emissões de enxofre

2 Setembro, 2013

Comments are Disabled

A DFDS vai investir cerca de 400 milhões de coroas dinamarquesas na instalação de filtros, elevando para 12 os navios capazes de cumprir com os limites de emissões de enxofre a partir de 1 de Janeiro de 2015.

APM Terminals reforça investimentos na Rússia

2 Setembro, 2013

Comments are Disabled

A Global Ports Investments, controlada pela APM Terminals, anunciou a compra do NCC Group Limited, operador de terminais de contentores russo com forte presença no Báltico.

UASC contrata 5+1 navios de 18 800 TEU

2 Setembro, 2013

Comments are Disabled

A UASC contratou com a Hyundai Heavy Industries a construção de dez porta-contentores com opção por mais sete, num negócio que pode ascender aos 2,5 mil milhões de dólares.

Acciona e FCC entram na Autoeuropa

2 Setembro, 2013

Comments are Disabled

As espanholas Acciona e FCC levaram a melhor sobre a germânica Schnellecke num concurso de prestação de serviços logísticos promovido pela Autoeuropa para os próximos três anos. Ficaram com o negócio e com os cerca de 250 trabalhadores afectos às operações.

Caetanobus prevê produzir 480 autocarros no segundo semestre

2 Setembro, 2013

Comments are Disabled

Os tempos difíceis que motivaram o “lay-off” de 100 trabalhadores parecem ultrapassados na Caetanobus, pelo menos até ao final do ano. No segundo semestre, a empresa de V.N. Gaia prevê construir 480 unidades, quase em exclusivo para a exportação.