Com a partida do La Surprise, iniciou-se ontem a AEM Vigo-Nantes St. Nazaire. Cinco anos depois do inicialmente previsto.

A nova AEM resulta, na prática, do reforço do serviço já assegurado pela Suardiaz, de transporte de automóveis e componentes, em favor da Gefco. As cargas com origem/destino na fábrica de Vigo da PSA Peugeot Citroën manter-se-ão, de resto, como uma das alavancas da AEM.

Agora com dois navios em operação – o La Surprise e L’Audace -, a AEM Vigo-Nantes oferecerá três ligações semanais em cada sentido. As partidas de Vigo acontecerão às segundas e quartas-feiras, às 18 horas, e aos sábados às 14 horas.

Para facilitar as operações dos transportadores rodoviários – os navios estarão no molhe de Bouzas entre 10 e 14 horas em cada escala, salienta o armador.

Cada navio tem capacidade para transportar uma centena de semi-reboques. O trajecto entre os dois portos, de cerca de 1 400 quilómetros, será cumprido em 35 horas. Ao contrário do que se verificava na AEM de Gijon, aqui as cargas viajarão desacompanhadas.

A AEM Vigo-Nantes foi uma das duas selecionadas no concurso promovido para o efeito pelos governos de Espanha e França (a outra foi a AEM Gijon-Nantes). Deveria ter arrancado em 2009 mas a Trasmediterránea não avançou por ter perdido então as cargas da Gefco… para a Suardiaz.

Agora, o serviço conta com um apoio de 26 milhões de euros repartidos em parte iguais por Madrid e Paris, a que acrescem três milhões de euros do programa comunitário Marco Polo.

Em Portugal a Suardiaz é representada pela L. Branco.

Tags:

Comments are closed.