A carga movimentada no aeroporto do Porto cresceu 8,9% em 2010 até às 35 275 toneladas, anunciou a Direcção do “Francisco Sá Carneiro”.

A Sar Air, que opera os voos da UPS, manteve a liderança no aeroporto nortenho, tendo ainda crescido perto de 13% para as 9 961 toneladas. A EAT, companhia do grupo DHL, manteve o segundo posto, com 8040 toneladas, tendo cedido 4%.

A TAP manteve-se como a primeira companhia “legacy”, com 5 006 toneladas movimentadas, apesar de ter cedido perto de 2%. Mas o seu terceiro lugar no aeroporto do Porto pode estar em risco, uma vez que a Air France cresceu praticamente 35% e já vale 4 310 toneladas.

A TNT manteve o quinto lugar no ranking, com 3 165 toneladas movimentadas (mais 16%, enquanto a Lufthansa Cargo foi sexta, com 2 148 toneladas (mais 2%).

Juntos, os operadores expresso movimentaram no Porto perto de 14 mil toneladas de caerga aérea. Os voos regulares de passageiros garantiram a movimentação de perto de 7 800 toneladas. Cerca de 5 900 toneladas foram encaminhadas em voos regulares de cargueiros.

Outras 8 246 toneladas viajaram em voos charter.

Se na carga 2010 foi um bom ano para o aeroporto do Porto, nos passageiros fez-se história, com um recorde de passageiros movimentados e um máximo de destinos oferecidos. Muito por influência das companhias “low cost”.

No ano passado o aeroporto Francisco Sá Carneiro movimentou 5,28 milhões de passageiros, mais 17% do que em 2009. A TAP manteve o primeiro lugar, com 1,72 milhões (um crescimento de 3,1%).

Mas foram a Ryanair e a Easyjet as principais responsáveis pelos bons números, tendo movimentado juntas mais cerca de 800 mil passageiros do que no exercício anterior.

A Ryanair cresceu perto de 41%, para a casa dos 1,68 milhões de passageiros, preparando-se para tomar de assalto o primeiro lugar no Porto. A EasyJet avançou 50% para cerca dos 657 mil.

No meio desta avalanche, a Lufthansa ainda cresceu perto de 5%, mantendo o quarto lugar, com quase 287 mil passageiros. Mas a Transavia já está bastante mais perto, nos 209 mil passageiros, fruto de um crescimento de 10%.

Amanhã, a Ryanayr inaugurará a primeira rota deste ano, para Roma Ciampino. E com ela o aeroporto do Porto passará a ter ligações regulares com 62 destinos. Mais 16 do que final do de 2009 e um recorde também.

Comments are closed.