A partir do próximo 1 de Janeiro, os motoristas que circulem na Alemanha terão de cobrar um salário mínimo de 8,5 euros por hora.

Este valor é a forma das autoridades germânicas fazerem cumprir o salário mínimo interprofissional, regulado por uma lei aprovada há poucos dias pelo Parlamento alemão (pode ser consultada em http://www.gesetze-im-internet.de/bundesrecht/milog/gesamt.pdf), que terá de ser cumprido por todas as empresas que realizem serviços de transporte na Alemanha, sejam elas nacionais ou estrangeiras.

Além do salário dos motoristas, a Alemanha fixou outras condições para a actividade de transporte rodoviário no seu território. Destaque para o facto de os motoristas profissionais oriundos de outros países da União Europeia terem de registar-se antes de entrarem em solo alemão.

Com estas disposições a Alemanha pretende combater o dumping praticado por transportadores de outros países, nomeadamente da Europa de Leste, onde os custos sociais relativos aos motoristas são significativamente mais baixos.

Comments are closed.