O governo alemão prepara-se para reduzir de forma substancial as taxas uso da infra-estrutura ferroviária. O objectivo de Berlim é estimular transporte ferroviário de mercadorias.

Alemanha - transporte ferroviário - mercadorias

O Orçamento de Estado para 2018 contemplará um fundo de 350 milhões de euros para diminuir os custos de acesso à ferrovia para os operadores, segundo anunciou o ministro dos Transportes e Infra-estrutura Digital alemão, Alexander Dobrindt, na sexta-feira, na apresentação de masterplan para o sector.

A Associação Alemã da Indústria Ferroviária (VDB) já qualificou o anúncio como “um passo importante” para o sector de transporte de mercadorias “ecológico e economicamente sustentável”. Em Maio, as associações ferroviárias alemãs pediram ao governo do país a redução para metade das taxas de uso da infra-estrutura, com a finalidade de tornar o sector mais competitivo face ao transporte rodoviário.

A redução dos custos operacionais permitirá às companhias investirem mais em inovação, segundo o governo.

 

 

Os comentários estão encerrados.