O porto de Algeciras está a aproveitar a flexibilidade tarifária permitida pela nova Lei dos Portos espanhola para conceder descontos a alguns tráfegos e assim tentar captar mercadorias.

O tráfego ro-ro entre Algeciras e Tânger contará com uma bonificação de 57% na taxa portuária aplicável ao navio e de 35% na taxa aplicada às mercadorias.

No caso do tráfego de contentores de importação/exportação, as bonificações chegam aos 22% (TUP navio) e 23% (TUP carga). Os contentores de transhipment poderão beneficiar de descontos superiores a 60%.

Em Setembro, o movimento de mercadorias em Algeciras permaneceu em terreno negativo, segundo os dados mais recentes divulgados pela Puertos del Estado. O tráfego total, com 50,3 milhões de toneladas, sofreu uma redução de 2,19% desde o início do ano. O tráfego de contentores totalizou 2 153 947 TEU, um valor 4,28% inferior ao do mesmo período de 2009.

No entanto, verificou-se um aumento de mais de 20% no movimento de contentores de importação/exportação. 122 981 TEU são ainda um número modesto mas significativo por serem os primeiros resultados da nova estratégia do porto, com o arranque da operação do TTI e a ligação ferroviária ao interior da Península.

O tráfego ro-ro moveu até Setembro 3,12 milhões de toneladas, um volume igualmente menor do que em 2009 (-2,9%). Nos granéis, os líquidos subiram 4,21% superando agora os 15 milhões de toneladas, enquanto os sólidos caíram 15,3%.

Os comentários estão encerrados.