O passe família foi hoje aprovado pelos 17 municípios da Área Metropolitana do Porto (AMP) e entrará em vigor no dia 1 de Maio, quase um ano depois de Lisboa.

 

Com o chamado “passe família”, todos os elementos de um agregado familiar que vivam na mesma casa têm acesso ao passe único por um preço fixo de 80 euros, correspondente ao valor de dois títulos mensais.

Em Dezembro, o presidente da AMP explicava que o modelo de implementação daquele título estava resolvido, faltando apenas acordar as questões financeiras, nomeadamente o reforço da comparticipação do Governo. À data, o autarca dizia acreditar “piamente” que o financiamento chegaria mas que, se assim não fosse, a AMP assumiria o impacto, estimado então em um milhão de euros, e a medida entraria em vigor.

O passe família terá um custo de 600 mil euros por ano à AMP.

Desde Julho de 2019 que este título pode ser adquirido na Área Metropolitana de Lisboa (AML).

Comments are closed.