Angola e a Zâmbia deverão formalizar em breve um memorando de entendimento para a construção de uma nova ligação ferroviária entre os dois países, para servir as respectivas regiões mineiras.

A construção da nova linha terá sido um dos temas tratados pelos ministros dos Transportes dos dois países, num recente encontro em Lusaca, capital da Zâmbia.

Segundo o “Lusaka Times”, Augusto da Silva Tomás terá manifestado ao seu homólogo zambiano o interesse de Luanda numa ligação directa entre as vilas mineiras de Ruvungu, em Angola, e Shamgombo, do outro lado da fronteira.

Por seu lado, Christopher Yaluma terá considerado o projecto fundamental, dizendo mesmo que “deve ficar concluído o mais depressa possível” a fim de acelerar o desenvolvimento das regiões dos dois lados da fronteira.

O ministro angolano deslocou-se à Zâmbia a fim de passar em revista questões relacionados com transportes e comunicações, tendo-se encontrado com o presidente do país, Michel Sata.

O caminho de ferro angolano é essencial para o escoamento de mercadorias da Zâmbia, em particular minérios, pelos portos atlânticos.

Comments are closed.