A APSS participou, no dia 16 março, em Valência, conjuntamente com representantes da APRAM, do Grupo Sousa, da Administração dos Portos dos Açores e da Mutualista Açoriana, na conferência internacional “LNG as Marine Fuel: the Moment of Truth”, organizada pela Fundación Valenciaport, a que se seguiu a 2ª reunião de trabalho interna, realizadas no âmbito dos projetos GAINN, financiados pela Comissão Europeia através do “Mecanismo Interligar a Europa” (CEF – Connecting European Facility).

O projeto GAINN4MOS envolve Portugal, França, Itália, Espanha, Eslovénia e a Croácia, com os objetivos de contribuir para a integração da nova diretiva europeia da energia limpa no quadro do sector portuário, energia e transporte marítimo; definir e executar novas regras de atuação dos terminais portuários, ao nível da segurança e logística no transporte e abastecimento dos navios de carga com LNG; desenvolver uma estratégia para o shipping neste âmbito.

A aposta no LNG visa um transporte marítimo e terrestre mais ecológico, seguro e sustentável, com o objetivo que os navios protótipo adaptados registem uma redução de 30% nos custos operacionais associados ao consumo de combustível, juntamente com uma redução de 20% nas emissões de dióxido de carbono e 80% de redução das emissões de enxofre.

Portugal encontra-se a desenvolver quatro projetos envolvendo a APDL (LNG Port Tug Boat); Portos dos Açores e Mutualista Açoriana (LNG General Cargo Vessel MV Corvo); APRAM e Grupo Sousa (MV Lobo Marinho e MV Funchalense).

Pode ser consultada mais informação em: www.gainnprojects.eu

Comments are closed.