Pelo terceiro ano consecutivo, a Atlânticoline vai fretar dois navios à Hellenic Seaways para o transporte inter-ilhas, entre Maio e Setembro.

Serão mais quatro milhões de euros a somar a uma factura que já ascende a 17 milhões de euros, pela utilização dos ferries Express Santorini e Hellenic Wind.

O fretamento dos navios ao operador grego foi a solução de recurso para garantir as ligações inter-ilhas depois da Atlânticoline ter recusado, em 2009, os dois ferries encomendados aos Estaleiros Navais de Viana do Castelo. O caso mais mediatizado foi o do Atlântida, contratado por 50 milhões de euros, e que continua entretanto sem solução à vista. O Anticiclone não passou dos blocos.

Entretanto a empresa pública açoreana ainda não encontrou uma solução definitiva para substituir os dois navios rejeitados, pelo que tudo indica que também em 2013, pelo menos, será necessário fretar navios.

Os dois ferries da Atlânticoline operam entre Maio e Setembro.

Comments are closed.