Pela segunda vez este ano, um comboio transportou bobinas de aço entre o porto de Aveiro e Vigo.

A operação decorreu ontem. Uma composição de 16 vagões, carregada com 31 bobinas de aço, assegurou o transporte desde Aveiro até ao destino galego.

O navio que trouxe as bobinas até Aveiro foi agenciado pela ICC Navegação e a operação portuária esteve a cargo da PTM Ibérica.

Segundo a Administração do Porto de Aveiro (APA), há “fortes expectativas” quanto à manutenção desta ligação ferroviária “e até mesmo crescimento”.

No ano passado, recorde-se, o movimento ferroviário de mercadorias no porto de Aveiro atingiu um máximo de mais de 256 mil toneladas, tendo crescido quase 34% face ao ano anterior.

Recorde de cargas até Abril

Recorde é também o movimento de mercadorias registado em Aveiro nos primeiros quatro meses do ano. Contaram-se 1,82 milhões de toneladas, mais 1,64% que no período homólogo de 2018, que era o máximo histórico até agora.

A carga geral fraccionada deu o principal contributo para o recorde alcançado, com uma subida de 23,8% até às 543,5 mil toneladas.

Em alta estiveram também os granéis líquidos, com um total de 519,3 mil toneladas (mais 4,9%).

O recorde só não foi ainda mais robusto, porque nos granéis sólidos se verificou uma quebra de 11% para as 753,4 mil toneladas.

Em termos globais, as cargas de exportação cresceram 3,6% para 537,3 mil toneladas, enquanto os fluxos de importação avançaram 0,8% para 1,8 milhões de toneladas.

Em 2018, o porto de Aveiro atingiu um recorde absoluto, com 5,6 milhões de toneladas processadas, mais 9% que no ano anterior (quando cresceu 13%).

 

This article has 1 comment

  1. luis pereira

    Parabéns ao porto de Aveiro, estamos habituados no sector marítimo a perder mercadorias para o porto de Vigo, felizmente este exemplo mostra que é possível ganhar mercado aos portos espanhóis, bem haja !