O Baltic Dry Index atingiu um novo mínimo histórico, nos 373 pontos, e parece não ir ficar por aí. Desde o início do ano já caiu 20%.

Capesize - Graneleiro

A situação é grave mas pode ainda piorar, antecipam os analistas, pelo menos durante um mês, com a aproximação do Ano Novo chinês que praticamente pára o gigante mundial e, logo, reduz significativamente o comércio mundial. Acrescem as incertezas sobre a performance da economia chinesa.

Facto é que só na última semana o Baltic Dry Index perdeu 13%, elevando para 20% a desvalorização de 2016. Há um ano, a 15 de Janeiro de 2015, o índice marcava 749 pontos. A 1 de Dezembro estava nos 598 pontos.

Criado em 1985, o índice atingiu o seu pico a 20 de Maio de 2008, quando tocou os 11 793 pontos. O máximo dos últimos cinco anos remonta a Dezembro de 2013, nos 2 330 pontos. O recorde em baixa não se sabe quando será atingido.

Enquanto isso sucedem-se as notícias sobre as dificuldades – e mesmo as falências – de vários operadores internacionais de navios graneleiros.

Comments are closed.