O Banco Europeu de Investimento (BEI) assinou com a Adif um contrato de financiamento no valor de 600 milhões de euros para as obras da construção do “Y Basco”, a ligação ferroviária de Alta Velocidade Vitória-Bilbau-San Sebastian/Fronteira com França.

Alta Velocidade

Os 600 milhões agora anunciados pelas partes são a primeira tranche dos 1 030 milhões de euros aprovados, em Setembro último, pelo BEI para este projecto com o objectivo de financiar a conclusão do corredor.

Com este novo financiamento, o BEI reforça o papel que está a ter na construção do “Y basco”, que desde o início da construção recebeu fundos de 1 400 milhões de euros da instituição.

Os 600 milhões de euros agora anunciados destinam-se, em concreto, à construção de 160 quilómetros de corredor, para a adequação do ramal da linha convencional entre San Sebastian e a fronteira francesa à circulação de comboios de Alta Velocidade e à adaptação das estações.

O AVE basco, incluído na Rede Transeuropeia de Transportes (RTE-T), vai reduzir o tempo de viagem de comboio entre Madrid e San Sebastian das actuais cinco horas para três e meia. BEI a Adif indicam, no comunicado conjunto, que o projecto irá, além disso, reduzir as emissões e criar 40 mil empregos durante a fase de construção.

 

 

Tags:

Comments are closed.