Cabo Verde lança hoje o concurso público internacional para a concessão da exploração do serviço público de transporte marítimo de passageiros e cargas inter-ilhas.

O prazo da concessão será de 20 anos. O vencedor deverá ser conhecido a 8 de Junho. O governo quer que a operação se inicie em Outubro.

O prazo para a apresentação de manifestações de interesse decorre até 5 de Março. Os candidatos apurados terão até 18 de Maio para apresentar as propostas técnicas e financeiras.

O anúncio do concurso foi feito num encontro que contou com a participação dos secretários de Estado Adjunto para a Economia Marítima, Paulo Veiga, e das Finanças, Gilberto Barros, do conselheiro do ministro da Economia, José Fortes, da coordenadora da Unidade de Acompanhamento do Sector Empresarial do Estado (UASE), Margarida Mascarenhas, e da presidente da Cabo Verde TradeInvest, Ana Lima Barber.

José Fortes sublinhou que o governo quer trazer para Cabo Verde os navios necessários para cumprir o serviço
público, nomeadamente nas linhas Praia/Fogo/Brava, Praia/Maio, Praia/Boa Vista, Praia/Sal, Sal/São Vicente, Praia/São Nicolau e São Vicente/São Nicolau/Boa Vista, mas que os actuais operadores nacionais vão continuar no mercado.

Os comentários estão encerrados.