Cargueiro da MAIS voará para os Açores em Setembro

O consórcio MAIS, que opera o avião cargueiro da Madeira, deverá iniciar as operações para os Açores já em Setembro, adiantou António Beirão ao TRANSPORTES & NEGÓCIOS.

MAIS lança avião cargueiro para os Açores

Ontem, o secretário de Estado das Infraestruturas anunciou em Ponta Delgada que “há um consórcio que está disponível a partir de meados de Setembro, penso que a partir do dia 15 de Setembro, para fazer o transporte de carga aérea entre as ilhas [e o Continente] em condições de mercado”. Guilherme W. d’Oliveira Martins não o disse, mas o consórcio é a MAIS.

Difícil, para não dizer “missão impossível”, será arrancar com as operações no próximo dia 15, avisa António Beirão, o rosto do consórcio que junta a ALS Portugal, a Loginsular e a Swiftair.

“Fomos apanhados de surpresa. Perdeu-se muito tempo, e agora temos de voltar ao mercado e remontar toda a operação”, referiu ao TRANSPORTES & NEGÓCIOS.

Em princípio, a operação oferecerá uma ligação diária (cinco dias por semana) entre Lisboa e Ponta Delgada, “com chegada aos Açores cerca das 12 horas e regresso às 20”, adianta o gestor. A ligação será assegurada por um ATR “semelhante ao que voa para a Madeira”.

O tempo de permanência do aparelho nos Açores deverá ser aproveitado para “voarmos para a Terceira (três vezes por semana) ou para a Horta (duas vezes)”. Com isso se cumprirão os objectivos das autoridades regionais dos Açores e sempre se ganhará alguma carga. Mas António Beirão alerta que “nestes casos, terá de haver algum apoio público”.

Precisamente, ontem, em Ponta Delgada, a secretária regional dos Transportes e Obras Públicas, Ana Cunha, sublinhou que a região “não abdica da fixação de obrigações de serviço público, independentemente da vinda de um cargueiro de um operador privado a operar para Ponta Delgada”.

“A perspectiva do Governo Regional é não abdicar de obrigações de serviço público, porque entendemos que a vinda deste privado não colmata as necessidades de todas as ilhas”, sustentou a titular da pasta dos Transportes na região.

A MAIS iniciou o serviço de avião cargueiro para a Madeira há pouco mais de um ano. A operação tem-se revelado um êxito à saída de Lisboa, mas o mesmo não se verifica ainda no sentido inverso, frustrando as expectativas iniciais.

 

Os comentários estão encerrados.

Translate »