A Carnival Corporation anunciou ter assinado contrato com o estaleiro alemão Meyer Werft para a construção de um segundo navio de cruzeiros movido a gás natural liquefeito (GNL) para a companhia P&O Ferries.

A embarcação, com entrega prevista para 2022, será gémea de uma outra que já está em construção e que será entregue à P&O Ferries em 2020. O navio de cruzeiros agora encomendado pelo grupo Carnival será, de acordo com a companhia, o maior do segmento a ser construído especificamente para o mercado britânico. Terá 180 mil toneladas de arqueação bruta e capacidade para 5 200 passageiros. Ambos os novos navios serão registados no Reino Unido.

Oito navios movidos a gás

A Carnival Corporation tem, no presente, acordos para a construção de 19 novos navios, com entregas previstas até 2022. Incluem-se nesse lote oito navios de cruzeiro movidos a GNL encomendados à Meyer Werft e ao estaleiro finlandês associado daquele, Meyer Turku.

A encomenda de navios a GNL inclui, além destes dois para a P&O Ferries UK, dois para a AIDA Cruises (entregas esperadas em 2018 e 2021), dois para a Costa Cruises (entregas agendadas em 2019 e 2021) e dois para Carnival Cruise Line (entregas marcadas para 2020 e 2022).

O grupo Carnival opera, no presente, 103 navios nas suas dez marcas. A capacidade agregada é de 231 mil camas.

 

 

 

Os comentários estão encerrados.