O Conselho Europeu de Carregadores (ESC), a Associação de Carregadores da Ásia (ASA) e a Associação Americana dos Exportadores e Importadores (AAEI), da América do Norte,  decidiram unir-se numa única organização: a Global Shipper’s Alliance (GSA).

Port of Rotterdam

O protocolo, assinado Surabaia (Indonésia), prevê a cooperação no transporte aéreo e marítimo, bem como na área aduaneira. O objectivo da nova entidade é representar os interesses dos carregadores de todo o mundo, já que a América do Sul e África estão a analisar o dossier.

A GSA pretende iniciar um diálogo “construtivo” com os estados, as organizações internacionais, as ONG e todas as associações ligadas aos transportes e à logística, no sentido de potenciar o crescimento económico mundial.

Os temas que a GSA pretende discutir são, entre outros, “uma tarifação equitativa do transporte marítimo e aéreo, as sobretaxas, uma concorrência sadia, as normas aduaneiras e de segurança, uma padronização que facilite o intercâmbio de dados, as THC e a qualidade do serviço no transporte internacional”, de acordo com o comunicado emitido a propósito.

 

Comments are closed.