A União Europeia, através do CEF, vai co-financiar a modernização da ligação ferroviária entre Guillarei, na Galiza, e a fronteira portuguesa.

O troço de 6,5 quilómetros de extensão entre Guillarei e Tui é um dos estrangulamentos que persiste na projectada modernização da ligação ferroviária entre o Porto e Vigo.

O investimento elegível é de 16,3 milhões de euros. O apoio concedido no âmbito da chamada de 2019 do CEF (Mecanismo Conectar a Europa) é de 6,5 milhões de euros, ou 40%. A intervenção – electrificação e sinalização – deverá estar concluída em 2023.

Na chamada deste ano do CEF, foram seleccionados 39 projectos, que dividirão entre si 117 milhões de euros de apoios comunitários.

As candidaturas eleitas têm a ver com a redução da poluição sonora provocada pelos comboios de mercadorias, a modernização de troços ferroviários, em particular em zonas fronteiriças, e a melhoria de infra-estruturas portuárias, nomeadamente no relativo à facilitação da intermodalidade e da melhoria ambiental.

Portugal não candidatou qualquer projecto a esta chamada do CEF.

This article has 1 comment

  1. luís pereira

    São excelentes notícias para Portugal porque a Galiza é 1 região económicamente muito desenvolvida e acrescenta à região do Norte do Grande Porto, nomeadamente ao porto de Leixões e aeroporto competitividade assim como maior fluxo de turismo com grande poder de compra, fantástico