A China vai construir uma linha de Alta Velocidade entre Pequim Norte e Zhangjiakou, na província de Hebei, no Norte do país, para os Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Inverno de 2022.

AV China - Mapa

Com 174 quilómetros de comprimento e apta para velocidades máximas de 250 km/hora, a linha representará um investimento de 8 392 milhões de euros. A construção deverá demorar quatro anos e meio.

A nova linha de Alta Velocidade terá dez estações e oferecerá uma ligação rápida para os passageiros que viajem de Pequim para Taizicheng, na região de Chongli, perto de Zhangjiakou, que albergará os eventos relacionados com esqui durantes os Jogos.

A China tem a maior rede mundial de Alta Velocidade, com mais de 16 mil quilómetros em funcionamento desde Dezembro de 2014 (20 380 quilómetros se forem incluídas ferrovias mistas, nas quais também circulam mercadorias) e outros 16 mil quilómetros estão em construção ou planeados.

A rede ferroviária chinesa inclui ainda a linha de Alta Velocidade mais comprida do mundo, entre Pequim e Cantão (ou Guangzhou), com 2 298 quilómetros.

Comments are closed.