O China Merchants Group e a Sinotrans & CSC iniciaram negociações com vista a uma fusão, de acordo com o portal de economia chinês “Yicai”.

China-MerchantsA comissão estatal chinesa de supervisão e administração de património deu aprovação preliminar à potencial fusão entre a China Merchants e a Sinotrans & CSC e solicitou às duas empresas a implementação de um plano de reestruturação para obterem aprovações adicionais.

O grupo China Merchants controla três empresas listadas: a China Merchants International, a China Merchants Energy Shipping e a Shenzhen Chiwan Wharf Holdings. O grupo é o maior operador de terminais de contentores da China continental e está em processo de expansão internacional.

Por seu turno, a Sinotrans & CSC detém companhias listadas como a Sinotrans Air Development, a Sinotrans Limited e a Sinotrans Shipping.

A Sinotrans & CSC e a CMES estabeleceram, em 2014, a joint-venture China VLCC, que opera com uma frota conta com 31 navios-tannque.

Esta operação de consolidação de “gigantes” chineses segue-se à anunciada fusão da Cosco e CSCL, ambos controlados pelo Estado chinês..

 

Comments are closed.