O China Merchants Group estará em vias de adquirir 50% do terminal de contentores do Paranaguá, o segundo maior do Brasil, avança a imprensa brasileira.Do lado vendedor está o fundo norte-americano Advent International Group, que desde meados do ano passado procura um comprador para o negócio que adquiriu em 2011.

TCP - Paranaguá

Goradas que terão sido as negociações com a DP World, o Chine Merchant Group será o candidato que se segue para ficar com metade do terminal do porto do Paranaguá, que movimenta cerca de 1,2 milhões de TEU/ano.

Depois de ter pago 500 milhões de dólares pelos 50% do terminal, e de nele ter investido mais umas centenas de milhões de reais em equipamentos, a Advent International pretenderá vender a sua posição por cerca  de mil milhões de dólares.

O China Merchants Group, com sede em Hong Kong, movimentou no ano passado 95,77 milhões de TEU (mais 14,5% em termos homólogos) nos seus terminais da China continental, Hong Kong e Taiwan, Nigéria, Djibouti, Turquia, Sri Lanka e Togo, e através da Terminal Link (controlada pela CMA CGM).

» Terminal de contentores do Paranaguá à venda

Os comentários estão encerrados.