O porto de Santander concedeu à CLdN uma área de 4,3 hectares para operações relacionadas com o tráfego ro-ro. A CLdN também opera em Leixões . . .

 

*** CONTEÚDO DE ACESSO RESERVADO. FAÇA LOGIN OU TORNE-SE ASSINANTE T&N ***