A CMA CGM obteve no primeiro trimestre um resultado líquido de 86 milhões de dólares, que contrasta com as perdas de 100 milhões registadas há um ano.

CMA-CGM

Entre Janeiro e Março, o grupo realizou um volume de  negócios de 4,6 mil milhões de dólares (mais 35,9% em termos homólogos), tendo transportado 4,27 milhões de TEU (mais 34,2%).

Os resultados foram fortemente influenciados pela integração da APL, ocorrida em Junho de 2016, mas o facto é que mesmo numa base like-for-like a a evolução é positiva, nomeadamente no resultado líquido (60 milhões de ganhos contra 100 milhões de perdas), no eBIT (196 milhões vs. 3 milhões) ou na margem operacional (5,9% vs. 0,1%).

Por outro lado, a APL melhorou significativamente a sua performance, registando os primeiros lucros trimestrais desde 2011, salienta a CMA CGM em comunicado.

Além dos efeitos da integração da APL e da melhoria do nível dos fretes (contra o aumento do preço do combustivel) o grupo agora liderado por Rodolphe Saadé continuou a capitalizar os ganhos de eficiência do seu programa Agility.

A CMA CGM lidera a Ocean Alliance, que iniciou operações no passado 1 de Abril.

 

 

Comments are closed.