Um ano volvido, e com nova safra de caju para ser exportada, a CMA CGM anuncia o regresso do Bijagós Shuttle ao porto de Bissau.

CMA CGM garante o escoamento do caju da Guiné-Bissau

A produção e exportação de caju é uma das das principais fontes de receita da Guiné-Bissau. Para garantir o escoamento da mercadoria, todos os anos, sensivelmente por esta altura, a CMA CGM reedita o Bijagósd Shuttle, que liga Bissau aos mercados de exportação da Índia e da Ásia.

O serviço é garantido por dois navios – o Georgia Trader e o Milan Trader – com uma capacidade nominal de carga de 1 700 TEU.

O Bijagós Shuttle tem o arranque previsto para meados de Junho e prolongar-se-á até ao início de Setembro. Enquanto durar a safra do caju. As escalas em Bissau acontecerão a cada 15 dias.

 

Tags:

Comments are closed.