O primeiro curso “Life Rail” promovido em Portugal é já um êxito pela adesão de participantes. Subsistem apenas duas vagas, pelo que os interessados devem apressar-se a contactar a APTMCD (António Belmar da Costa).

O curso, promovido pela Escola Europeia de Short Sea Shipping (2E3S), visa divulgar a realidade e as potencialidades da intermodalide ferro-marítima. Também por isso, as aulas serão ministradas a bordo de um comboio da CP Carga (dotado para o efeito com uma carruagem de passageiros), numa viagem que levará os alunos aos portos de Sines, Setúbal e Aveiro, com partida e chegada na plataforma logística da Bobadela (Lisboa).

Ao todo serão 35 os participantes. Já confirmados estão 33, entre operadores portuários, administrações portuárias, carregadores, operadores logísticos, agentes de navegação e transportadores rodoviários de mercadorias.

Há, por isso, duas vagas ainda, sendo que o curso se realizará já nas próximas segunda, terça e quarta-feiras. O preço da participação é de 450 euros, incluindo a formação, a viagem, a alimentação e o alojamento em Sines e Aveiro.

O programa do curso compreende visitas aos terminais ferroviários dos portos, aulas teóricas (sobre portos secos, logística ferroviária, legislação, contratação e gestão de riscos, informação ao cliente, etc.) e, claro, a resolução de um caso prático. A formação será ministrada por António Belmar da Costa, João Soares, António Nabo Martins e Vítor Caldeirinha.

Esta é a primeira vez que o “Life Rail” da Escola Europeia de Short Sea Shipping se realiza fora de Espanha. Algo só possível com o envolvimento, do lado português, da APTMCD, Agepor, CP Carga, CP, IPTM, ENIDH e dos portos de Aveiro, Setúbal e Sines.

Comments are closed.