A Moby Spa e a Tirrenia Compagnia Italiana de Navigazione foram multadas por abuso de posição dominante na Sardenha.

A multa de 29 milhões de euros foi imposta pela Autoridade da Concorrência italiana, na sequência de uma investigação espoletada por uma queixa apresentada pelas companhias Trans-Isole, Grimaldi, Grendi e Lucianu.

A Autoridade da Concorrência concluiu que a Moby e a Tirrenia, ambas controladas pelo Grupo Onorato, penalizavam os operadores logísticos que usavam também os serviços dos seus concorrentes nas ligações entre a Sardenha e a Itália continental, ao passo que concediam vantagens competitivas aos clientes que lhes eram fiéis.

Com estas práticas agressivas, concluiu a Concorrência, as duas companhias dificultaram a entrada de novos operadores no mercado em questão e, logo, penalizaram os interesses dos consumidores.

 

Comments are closed.