A Continental Mabor, em Famalicão, superou pela primeira vez, no ano passado, os 17 milhões de pneus produzidos.

O volume de vendas atingiu os 758,63 milhões de euros e os lucros foram de 182,02 milhões de euros, divulgou a empresa.

“Pela primeira vez, batemos recordes de produção, ou seja, ultrapassámos a fasquia de 17 milhões de pneus produzidos num só ano e, ao mesmo tempo, conseguimos alcançar indicadores de desempenho muito significativos”, referiu Pedro Carreira, da administração.

Resultados tanto mais importantes quanto foram alcançados num ano em que “se registou um clima de alguma instabilidade nos mercados internacionais”. “Reforçámos a aposta nos segmentos de mercado de produtos de maior valor acrescentado”, acrescentou.

Do volume total de pneus vendidos, cerca de 98% tiveram como destino a exportação. A fábrica conseguiu ter “em quase todos” os construtores automóveis europeus pneus “made in Portugal” a equipar as suas viaturas.

Para 2015, e “apesar de os sinais de retoma económica na Europa serem ainda frágeis”, a Continental Mabor prevê um volume de negócios similar ao do último ano.

A fábrica empregava, no final de 2014, 1 752 trabalhadores.

O conjunto das empresas do Grupo Continental em Portugal (Continental Mabor, Continental Indústria Têxtil do Ave, Continental Pneus, Continental Lemmerz e Continental Teves) faturou 1 020,10 milhões de euros e encerrou o ano com um total de 2 346 colaboradores.

Comments are closed.