Quatro operadores ferroviários já reservaram 67% da capacidade do Corredor Ferroviário de Mercadorias n.º 4 (Corredor Atântico) prevista para 2015.

A informação foi avançada pela Adif, a gestora espanhola de infra-estrutura ferroviária, que gere a capacidade do corredor em parceria com a portuguesa Refer e a francesa RFF.

Para 2015, a oferta de capacidade para o corredor que liga os portos de Leixões, Lisboa e Sines à região de Paris, é de 15 canais horários diários. Desses, dez estão reservados por quatro operadores, entre os quais se contam as portuguesas CP Carga e Takargo.

Na oferta disponibilizada incluem-se ligações entre Portugal e Espanha, entre Espanha e França e ainda entre Portugal, Espanha e França.

Face à procura já contratada para o próximo ano, os gestores do Corredor Atlântico apostam no reforço da oferta a partir de 2016. Deverá então concretizar-se também a adesão da Alemanha ao corredor, recentemente anunciada.

O agrupamento europeu que gere o Corredor Atlântico começou a operar em Junho do anoo passado. No primeiro ano, tratou-se de montar a estrutura de governação e de definir e implementar os procedimentos homogéneos para a disponibilização e contratação da capacidade da infra-estrutura.

Para facilitar a ligação com os operadores ferroviários e demais stakeholders interessados foi criada uma Janela Única, que é gerida a partir de Madrid pela Adif.

Comments are closed.