Cosco negoceia dez navios de 19 000 TEU

Cosco negoceia dez navios de 19 000 TEU

Serão pelo menos dez. A China Cosco Holding está a negociar uma encomenda de pelo menos dez navios porta-contentores de 19 000 TEU, adianta o “Wall Street Journal” citando fontes conhecedoras do processo.

Cosco

O contrato – avaliado em 1,4 mil milhões de dólares – estará a ser negociado com cinco estaleiros chineses. A encomenda deverá ser formalizada ainda este mês.

A notícia do “WSJ” vem dar força a uma outra, de há alguns dias, segundo a qual a Cosco e a Yang Ming, parceiras na aliança CKYHE, estariam a negociar encomendas de 22 mega-porta-contentores.

A Cosco tem-se manifestado renitente em alinhar na “corrida” aos ULCV iniciada pela Maersk Line. Mas o facto é que os “Triple-E”, se cheios, garantem poupanças de 25% nos custos operacionais. E na “guerra” das alianças nenhuma poderá dispensar estes argumentos gigantes. A 2M (Maersk Line e MSC) tem-nos. E a Ocean Three (CMA CGM, CSCL, UASC), idem.

A Cosco integra a aliança CKYHE com a K Line, Yang Ming, Hanjin Shipping e Evergreen.

A Maersk Line já anunciou a intenção de encomendar este ano mais 11 Triple-E para juntar aos 18 já contratados.

 

About Chronicle

All the Lorem Ipsum generators on the Internet tend to repeat predefined an chunks as necessary, making this the first true generator on the Internet. All the Lorem Ipsum generators on the Internet tend to repeat predefined Lorem Ipsum as their default model text, and a search for web sites.