As primeiras 18 carruagens, de um total de 51, adquiridas pela CP à Renfe  já estão nas oficinas de Guifões para serem preparadas para “inaugurarem” a Linha do Minho, no final do ano.

© Claudio Amendoeira

A notícia foi avançada pelo “Público” na passada segunda-feira, e ontem mesmo chegaram a Portugal as primeiras novas carruagens adquiridas pela CP à Renfe. No total, serão 51 carruagens, num investimento de 1,6 milhões de euros, a que acrescerão os custos da adaptação a ser feita nas oficinas da CP em Guifões, Matosinhos.

Das 51 carruagens adquiridas, 36 são da série Arco, lançada no final dos anos 90 do século passado, aptas para operarem em velocidades até aos 200 km/hora. As 18 que ontem chegaram sã desta “família”. As outras 16 são de diversas tipologias.

As primeiras carruagens têm por destino a Linha do Minho, cuja electrificação deverá ficar concluída até ao final do ano corrente. As composições serão puxadas por locomotivas Série 2600 da Alstom, que também estão a ser recuperadas em Guifões depois de anos ao abandono no Entroncamento.

As demais carruagens destinar-se-ão a outras linhas, para reforçar / renovar a oferta e para libertar automotoras eléctricas que poderão ser usadas no reforço da capacidade dos suburbanos de Lisboa e Porto.

Com as compras a Espanha e a recuperação de carruagens Sorefame e Schindler, a CP quase duplicará, no espaço de dois anos, a sua frota de carruagens… enquanto continua a aguardar pelo desfecho do concurso para a compra de comboios novos.

 

Tags:

Comments are closed.