Menos de um ano depois de ter sido salva pelos donos dos seus navios, a CSAV volta às compras com uma encomenda de dois porta-contentores de 8 000 TEU.

O negócio representa um investimento de 180 milhões de dólares, de acordo com as informações vindas a público.

A construção dos navios estará a cargo da Samsung Heavy Industries. As entregas estão previstas para Junho e Julho de 2012.

O contrato firmado prevê ainda o direito de opção para mais quatro navios de características e dimensões idênticas. Caso a CSAV exerça a opção, o investimento total aumentará para a casa dos 640 milhões de dólares.

Ainda no princípio do ano a CSAV procedeu a um aumento de capital de 400 milhões de dólares para sanear as suas contas, tendo contado na altura com a ajuda de alguns dos armadores a quem tinha fretado navios.

Entretanto a situação do mercado, e da companhia, mudou drasticamente e os armadores puderam mesmo realizar algumas mais-valias interessantes.

A CSAV é actualmente o n.º 7 no ranking mundial do transporte marítimo de contentores, com uma frota de 155 navios (apenas dez próprios) e uma capacidade global de cerca de 582 mil TEU. De acordo com a Alphaliner, a companhia teria encomendados até ao momento oito navios, num total de 62 mil TEU.

Os comentários estão encerrados.