Os CTT vão investir 15 milhões de euros na automatização do processo de separação de correio e encomendas. E há mais investimentos na calha.

Os CTT fecharam um contrato no valor de 15 milhões de euros com a Solystic, uma empresa especializada em soluções automatizadas de separação de correio e encomendas. O objectivo é modernizar a linha para que sejam cumpridos os níveis de qualidade do serviço.

“A contratação destes equipamentos, para modernizar o parque de equipamentos e sistemas operativos da actividade postal, aumentando a eficiência e reforçando a automatização nos CTT, vai funcionar como uma das principais alavancas para atingir os objectivos do PMI [Plano de Modernização e Investimento]. Estes equipamentos de tecnologia de ponta vão substituir material que já está ultrapassado e reforçar a posição dos CTT junto dos melhores operadores postais a nível mundial, garantindo a sustentabilidade da operação e o cumprimento no longo prazo dos níveis de qualidade de serviço prestados”, refere a operadora em comunicado.

Até 2021, a operadora postal propõe-se investir 40 milhões de euros na rede postal e logística em todo o país.

.

 

Comments are closed.