Dentro de dois anos, a DB Schenker deverá ter reduzido as emissões de CO2 em 30%, a caminho de chegar aos 50% até 2030, anunciou a companhia.

O plano de melhoria da performance ambiental da DB Schenker foi lançado em 2006 e, segundo a empresa, está a evoluir favoravelmente.

Só no último ano, a DB Schenker “já reduziu as emissões de gases com efeito de estufa em 25,8% no transporte terrestre, em 9,3% no transporte aéreo e em 61,2% no transporte marítimo, em comparação com 2006”, refere, em comunicado.

Nos armazéns, a redução dos consumos de energia deverá atingir os 18%, nos próximos dois anos. E a Está também a apostar na diminuição do consumo de energia nos seus armazéns para alcançar uma redução na ordem dos 18%, nos próximos dois anos. E na frota os consumos baixaram em 25%, pela modernização dos veículos e a aposta em energias alternativas.

O director geral da DB Schenker Ibéria, Juan Carlos Moro, assinala, citado em comunicado de imprensa, que “o meio ambiente é um tema chave na empresa”.

“Existem soluções ecológicas para todos os meios de transporte: por terra, mar e ar e também para o armazenamento”, pelo que o compromisso de reduzir as emissões de CO2 abrange toda a cadeia de abastecimento.

Leave a comment

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

*