A Airbus venceu a Boeing na corrida ao fornecimento de 100 aviões de médio curso à norte-americana Delta Airlines, num contrato de 12,7 mil milhões de dólares.

Delta - Airbus

A encomenda é de 100 aparelhos A321neo, mas prevê a opção por outros tantos. Os primeiros aparelhos deverão ser entregues à Delta em 2020.

A vitória da Airbus sobre a Boeing (que tentava vencer o seu B737MAX 10) é atribuída, pelo menos em parte, ao diferendo entre a Delta e a construtora norte-mericana a propósito de uma compra de 75 CS100 da Bombardier.

Alegando a prática de dumping da concorrente canadiana, a Boeing convenceu a Administração norte-americana a sobretaxar a compra de aviões Bombardier, o que no caso obrigará a Delta a pagar três vezes mais pelos aparelhos.

Os A321neo são construídos em Hamburgo, mas a Airbus tem já uma unidade de montagem em Mobile, no estado norte-americano de Alabama.

 

Comments are closed.