A DHL Supply Chain vai expandir de forma significativa o usa de óculos de realidade aumentada nas operações de armazém, em parceria com a Google, a Vuzix e a Ubisoft.

A companhia do grupo DHL-Deustche Post irá testar a tecnologia em novas instalações nos EUA e no Reino Unido e aprofundar os testes que já decorrem em Bergen op Zoom (Holanda), onde lançou, em 2014, um programa piloto para a tecnológica Ricoh.

De acordo com o comunicado da DHL Supply Chain, as novas localizações no Reino Unido e Estados Unidos irão testar a tecnologia em outros sectores, entre os quais o retalho e as indústrias do consumo e automóvel.

“Estamos entusiasmados por aprofundar os testes e desenvolver a tecnologia ‘vision picking’ como uma solução para os nossos clientes. Ainda mais importante, esta tecnologia é não só um passo em direcção à digitalização dos processos manuais, mas também uma aproximação à Indústria 4.0”, refere, citado na mesma nota, o CEO da SHL Supply Chain, John Gilbert.

“Testar tecnologia como a realidade aumentada, robótica e a Internet das Coisas continuará a fazer parte do nosso ADN”, acrescenta.

Um relatório elaborado pela DHL após os testes efectuados com a Ricoh concluiu que a validação constante do processo de separação de encomendas pode reduzir os erros até 40%. “Embora a taxa de erro actual do processo de separação seja muito baixa, mesmo usando o método ‘pick-by-paper’ – os peritos estimam uma taxa de erro de 0,35% -, qualquer erro devo ser prevenido, pois resulta muitas vezes em elevados custos de seguimento”, refere o relatório.

 

 

 

 

Comments are closed.