O primeiro comboio de mercadorias de exportação entre Espanha e a China partiu terça-feira do Terminal Marítimo de Saragoça (TmZ), numa iniciativa da DSV.

O comboio, com destino a Xinjiang, partiu carregado com 15 contentores, cheios de componentes para a indústria das energias renováveis, a que serão acrescentados mais, na Alemanha e na Polónia.

O tempo de trânsito da ligação será de 24 dias, menos da metade do previsto por via marítima, cerca de 55 dias. Os promotores sustentam as vantagens da ferrovia face ao navio e ao avião, em termos de tempo, num caso, e de custos, no outro.

O TmZ operou em 2017 um total de 2 428 comboios, mais 18% do que no ano anterior, 151 639 TEU ferroviárioa (+18%) e um total de 343 583 TEU (+14%).

Desde Dezembro que o terminal de Saragoça está ligado por comboio com o hub logístico de Zhengzou, também numa iniciativa da DSV, mas apenas à importação.

 

Tags:

Comments are closed.