A Espaçotrans, empresa de gestão de Entrepostos Aduaneiros participada pelo grupo Luís Simões, operador logístico de referência na Península Ibérica, foi reconhecida com o estatuto de Operador Económico Autorizado (AEO), que distingue um operador pela sua conduta segura na cadeia logística e cujas operações aduaneiras são fiáveis e eficientes.

O estatuto de AEO faz parte do pilar relacionado com a parceria Alfândega – Empresa do “SAFE Framework of Standards” da Organização Mundial das Alfândegas (OMA) e é concedido sob a forma de certificado, permitindo aos actores do comércio internacional usufruir de uma relação privilegiada com as autoridades aduaneiras de vários territórios.

São Operadores Económicos Autorizados os operadores que voluntariamente cumprem os critérios definidos em estreita colaboração com as autoridades aduaneiras para atingirem o objectivo comum da segurança na cadeia de abastecimento, obtendo benefícios na UE e reconhecimento mútuo em países terceiros de outros continentes.

A Espaçotrans, enquanto Operador Económico Autorizado, tem facilidade no acesso a simplificações aduaneiras, menos controlos físicos e documentais, notificação prévia em caso de selecção para controlo físico e aduaneiro, tratamento prioritário em caso de selecção para controlo, possibilidade de solicitar um local específico para os controlos e reconhecimento mútuo com países terceiros, tais como Suíça, Noruega, Japão, EUA e China.

Para obter a certificação AEO, a Espaçotrans teve de cumprir várias condições e critérios: ser um operador económico estabelecido no território aduaneiro da União Europeia, ausência de infracções graves ou recidivas à legislação aduaneira e às regras de tributação, incluindo a inexistência de registo de infracções penais graves relacionadas com a actividade económica, sistema de gestão dos registos comerciais que permita controlos aduaneiros adequados, solvabilidade financeira comprovada, normas práticas de competência ou qualificações profissionais, normas adequadas em matéria de segurança e protecção.

Com esta certificação, a Espaçotrans compromete-se a cumprir de forma voluntária os critérios definidos em estreita colaboração com as autoridades alfandegárias, com vista a atingir os objectivos de segurança na cadeia de abastecimento. Por outro lado, uma vez que a empresa conseguirá benefícios não apenas dentro da UE, mas também nas suas relações comerciais com países terceiros de outros continentes, será possível facilitar o comércio a nível global.

A Espaçotrans, empresa de Gestão de Entrepostos Aduaneiros, foi fundada em 2011 e possui dois armazéns em Portugal, na Póvoa de Santa Iria e em Leixões, situados estrategicamente junto a portos, caminhos-de-ferro e aeroportos. A Espaçotrans conta com cerca de 50 colaboradores que apoiam as operações nos principais portos do país, no total aglomerado de 18.000m2 de espaço de armazenagem.

Tags:

Comments are closed.