O governo espanhol prevê lançar em Maio o concurso público para atribuir a primeira licença a um concorrente privado da Renfe no transporte ferroviário de passageiros.

AV Madrid-Valencia

O secretário-geral das Infra-estruturas do país vizinho, Manuel Niño, anunciou, numa sessão de debate sobre o sector organizada pelo «“Expansión”, que o Ministério do Fomento remeteu a proposta de caderno de encargos ao Conselho de Estado, sendo de esperar a respectiva aprovação no prazo de um mês.

“Imediatamente depois, serão aprovados os cadernos de encargos e lançado o concurso, através da sua publicação no Boletim Oficial del Estado, previsivelmente no mês de Maio”, explicou Niño.

O governo de Madrid calcula, assim, que no terceiro trimestre deste ano já terá seleccionado o primeiro operador ferroviário privado, que terá um prazo máximo de meio ano para arrancar com o serviço.

A liberalização do transporte ferroviário de passageiros em Espanha será gradual. Na primeira fase, de sete anos, a Renfe apenas terá um concorrente privado e numa única linha: o corredor Levante do AVE, que liga Madrid a Valência ou Alicante e também a Murcia ou Castellon.

 

Tags:

Os comentários estão encerrados.