Espanha vai financiar com nove milhões de euros o abandono da profissão de 303 transportadores “autónomos”. Mais dinheiro houvesse e mais seriam.

Espanha financia com 9 milhões saída de transportadores autónomos

Um total de 303 transportadores “autónomos” espanhóis foi incluído na lista de beneficiários da ajuda do Ministério do Fomento do país vizinho para o abandono da actividade para 2019. Com 9,1 milhões de euros de orçamento, cada motorista receberá uma subvenção de 30 mil euros.

Os apoios ao abandono da profissão foram concedidos a motoristas “autónomos” com 66 anos de idade e profissionais declarados incapacitados para o desempenho da profissão.

Devido à falta de orçamento, 551 motoristas “autónomos” ficaram de fora da lista de beneficiários.

A federação Fenadismer já anunciou, por isso, ir solicitar ao novo governo de Espanha não só a manutenção deste auxílio em 2020, mas, se possível, o aumento do seu orçamento, “para permitir uma reforma digna aos transportadores [independentes] de idade avançada”.

Comments are closed.