O Sindicato XXI, que representa os trabalhadores do Terminal XXI de Sines, pode avançar com novo pré-aviso de greve. A “bola”, diz, está do lado da PSA Sines e Laborsines.

Reunidos em plenário, os associados do Sindicato XXI deram, “de forma unânime” “luz verde” à  Direcção para “lançar um novo pré-aviso de greve quando for oportuno”, anunciou o sindicato, em comunicado.

A partir daqui, é dito, caberá “à PSA/Laborsines desbloquear todo o processo negocial”.

A avançar, a nova greve, já se sabe, será mais dura que a actualmente em vigor, e que se resume à recusa de prestação de trabalho suplementar. Recorde-se que no início do mês de Maio, o Terminal XXI esteve paralisado durante três dias (2,3 e 4).

O endurecer da luta é justificado pelo sindicato com  o impasse nas negociações com a PSA Sines e Laborsines. Em causa estão, desde logo, questões remuneratórias.

A instabilidade social que agora se vive em Sines estará a atrasar a contratualização da expansão do terminal de contentores do porto alentejano, concessionado à PSA Internacional.

 

This article has 1 comment

  1. Se este terminal chegou onde chegou foi com o esforço dos estivadores que carregaram PSA Sines as costas iludidos de promessas que as coisas iam melhorar após a última expansão. Trabalhamos sem para durante a última expansão em condições de higiene degradantes. Fizemos um esforço para ajudar a empresa porque que a empresa agora não recompensa os trabalhadores… Investem investem em tudo menos na mão de obra que sai muito barata em Portugal….