A Eurotunnel quer captar mais 500 mil camiões/ano para o túnel da Mancha, num horizonte de dez anos. O projecto “Terminal 2015” arrancou ontem, do lado francês.

O novo terminal de carga de Coquelles visa tornar mais fluído o trânsito dos camiões para a plataforma ferroviária. Os acessos à zona de registo, actualmente limitados a duas filas, passará a dispor de cinco. E com isso será possível, a prazo, aumentar também a cadência das saídas dos comboios, dos actuais seis para oito por hora.

Em paralelo será melhorada a zona de acolhimento dos camiões e dos motoristas com a criação de um parque vigiado com capacidade para 370 pesados de mercadorias.

Uma intervenção semelhante será realizada na outra margem da Mancha, em território britânico, na região de Folkestone.

Actualmente a Eurotunnel transporta nos seus shuttles uma média anual de 1,5 milhões de camiões. Com o projecto “Terminal 2015”, o objectivo é chegar aos dois milhões de pesados de mercadorias/ano, num horizonte de dez anos, contando com um incremento médio de 5% ao ano do lado da procura.

Comments are closed.