A Ferrovial anunciou a venda da Swissport International à capital de risco PAI Partners, por 880 milhões de euros.

A companhia espanhola adquiriu o operador de handling suíço em Outubro de 2005, tendo pago então 646 milhões de euros. Desde aí, o número um mundial no handling aeroportuário cresceu a uma média anual de 26% em termos de resultados operacionais.

A Swissport opera actualmente em 176 aeroportos, de 38 países, dos cinco continentes. No ano passado proporcionou serviços de terra a mais de 70 milhões de passageiros e manipulou 2,8 milhões de toneladas de carga. Com cerca de 33 mil trabalhadores, gerou um volume de negócios de 1,124 mil milhões de euros.

A compra da Swissport marcou o arranque de uma forte aposta da Ferrovial no sector aeroportuário, aposta que depois se traduziu também na aquisição da BAA, a gestora aeroportuária britânica.

A venda da companhia helvética foi justificada pelos responsáveis espanhóis com a sua estratégia de rotação de activos da Ferrovial. Pelo que o encaixe gerado será aplicado em novos activos com um elevado potencial de criação de valor.

O negócio deverá ficar concluído em Dezembro, o mais tardar em Janeiro do próximo de 2010, dependendo do financiamento da PAI Partners e das autorizações das autoridades da Concorrência.

No Reino Unido, a Ferrovial estará a negociar a venda de uma posição minoritária no capital da BAA.

Os comentários estão encerrados.