A Fiat Professional foi a parceira da edição deste ano da Frota Solidária da Fundação Montepio, tendo fornecido 20 viaturas.

A marca indica ter oferecido condições especiais para a aquisição de 13 Ducato e sete Talento, viaturas que posteriormente foram transformadas e adaptadas e entregues a 20 das 263 instituições particulares de solidariedade social (IPSS) que se candidataram a receber um veículo de oferta.

Esta foi a 12.ª edição da Frota Solidária da Fundação Montepio.

Outros parceiros do projecto foram a Auto-Ribeiro, que ofereceu ainda 15 cadeiras de rodas (duas para crianças), e a Lusitânia, que oferece a primeira anuidade do seguro das viaturas.

“Ninguém duvida que as instituições da economia social são hoje um elemento decisivo no apoio àqueles que mais precisam”, afirmou, na cerimónia de entrega dos veículos, o presidente da Fundação Montepio, António Tomás Correia.

É através do projecto Frota Solidária que a Fundação Montepio devolve à sociedade os montantes que os contribuintes atribuem, todos os anos, à instituição através da consignação fiscal. Desde o seu início, já foram devolvidos 4,2 milhões de euros à sociedade civil e entregues 223 carrinhas adaptadas para IPSS.

Actualmente, a iniciativa é, segundo António Tomás Correia, financiada em cerca de 30% com o dinheiro dos contribuintes, sendo a restante verba suportada pela Fundação Montepio, num esforço que é acompanhado pelo apoio de diferentes organizações, onde se incluiu, em 2019, a Fiat Professional.

 

Comments are closed.