Continua em alta o movimento de mercadorias no porto da Figueira da Foz. No primeiro semestre passaram por ali mais de 861 mil toneladas, um recorde que supera o máximo estabelecido na primeira metade de 2010.

A puxar pelos resultados estiveram os movimentos de carga geral, fraccionada e contentorizada, que atingiram também números recordes.

No caso da carga geral fraccionada, o saldo do primeiro semestre foi de 417 mil toneladas, mais 16%, ou 57 mil toneladas, que há um ano.

Na carga contentorizada contabilizaram-se perto de 81 mil toneladas, mais 24%, ou 16 mil toneladas, que entre Janeiro e Junho do ano passado.

O movimento de granéis sólidos atingiu as 350 mil toneladas, o que representou ainda assim um aumento de 2%, ou sete mil toneladas.

Os números do primeiro semestre agora divulgados confirmam o rápido desenvolvimento do porto da Figueira da Foz nos dois últimos anos. Relativamente a 2009, o saldo de Junho representa um crescimento de mais de 56%, ou 164 mil toneladas.

A Administração do Porto da Figueira da Foz foi criada no início de 2009, sendo detida a 100% pelo Porto de Aveiro. Na altura, o objectivo fixado para 2015 era chegar aos 1,8 milhões de toneladas, o que representava crescer 50%-.

Comments are closed.