A frota mundial de navios porta-contentores celulares deverá crescer 9% em 2013, depois de no ano corrente aumentar 6,1%, prevê a Alphaliner.

Ao longo do próximo ano deverão entrar em serviço 295 novos navios, com uma capacidade total de transporte de 1,84 milhões de TEU. Este ano os estaleiros terão entregue 206 embarcações, representando uma capacidade total de 1,28 milhões de TEU.

A frota mundial de porta-contentores deverá, assim, passar dos 4 813 navios, com 16,36 milhões de TEU de capacidade, no final deste ano, para os 5 008 navios e 17,83 milhões de TEU em 31 de Dezembro do próximo ano, ainda de acordo com as estimativas da Alphaliner, Estes números já descontam os navios retirados do serviço e os reagendamentos de entregas.

Para 2013, a Alphaliner prevê a entrega de 50 navios de +10 000 TEU (incluindo os primeiros Triple-E de 18 000 TEU), o mesmo que em 2012. Acrescerão 55 navios de 7 500-9 9900 TEU (31 entregas no ano corrente), 23 unidades de 5 100-7 499 TEU (12) e 59 de 4 000–5 099 TEU (41).

Os analistas vêm alertando para a ameaça que o contínuo aumenta de capacidade representa para a recuperação dos fretes e, logo, a saúde financeira das companhias marítimas.

Para 2014, a Alphaliner projecta um crescimento da frota mundial de porta-contentores na casa dos 6%, estando já previstas 128 entregas, com um total de um milhão de TEU.

 

 

Comments are closed.