Os horários de Inverno deverão elevar a frota imobilizada até algures entre os 600 mil e o milhão de TEU no final do ano, prevê a Alphaliner.

Os principais operadores ainda não divulgaram os seus horários de Inverno, mas a Maersk Line, o maior de todos, já sinalizou a tendência ao confirmar que irá reduzir a oferta para a afeiçoar à procura.

Pelo menos três serviços Extremo Oriente-Norte da Europa e dois Extremo-Oriente-Mediterrâneo deverão ser proximamente suspensos, prevê a Alphaliner, o que representará a imobilização de uns 50 navios de entre 3 000 e 8 000 TEU, num total de cerca de 300 mil TEU.

Actualmente a frota de porta-contentores imobilizados representa apenas cerca de 225 mil TEU de capacidade. Muito longe dos 1,5 milhões de TEU verificados ainda no início do ano. Desde Janeiro, a frota em operação aumentou 1,27 milhões de TEU, a que acrescem os 1,21 milhões de TEU de novos navios entrados no mercado.

As projecções da Alphaliner apontam ainda para que ao longo de 2011 a capacidade de transporte imobilizada volte a descer para níveis próximos dos actuais, ou mesmo inferiores.

Os comentários estão encerrados.