CMA CGM, Hapag-Lloyd e PSA International estão entre os fundadores do Global Shipping Business Network (GSBN), uma joint-venture para acelerar a transformação digital do sector.

Nova Blockchain junta armadores e operadores portuários

A nova empresa, que deverá começar a operar no início de 2020, tem como signatários grupos como a CMA CGM, a Cosco, a Hapag-Lloyd, a Hutchison Ports, a OOCL, o porto de Qingdao, a PSA International e o Shanghai International Port Group (SIPG).

Junta-se-lhes a CargoSmart – agora propriedade da Cosco –, que actuará como facilitadora, fornecendo soluções e serviços de software.

A GSBN propõe-se fornecer uma plataforma de Blockchain para que todos os intervenientes na cadeia de abastecimento de transporte possam trabalhar de forma colaborativa para acelerar a inovação tecnológica e desenvolver soluções através de plataformas de troca de dados fiáveis e seguras.

“O consórcio de Blockchain GSBN oferece-nos uma oportunidade concreta de trazer maior valor para os nossos clientes e para a cadeia de abastecimento como um todo”, comentou, citado em comunicado, Rajesh Krishnamurthy, vice-presidente executivo da CMA CGM.

» Digitalização junta mais cinco companhias

 

 

Comments are closed.